4 produtos que comprei, adorei e nunca mais usei

Trabalhar a partir de casa não é fácil. Quando se trabalha na frente do computador então, é 3.234 vezes pior (eu calculei). É uma interrupção a cada 15 minutos. As pessoas tendem a interpretar a sua presença em casa como um status de disponível o tempo todo. Elas esquecem – ou simplesmente não se importam – que você tem rotina e afazeres. É por isso que eu tenho ido pra cozinha no meio da noite, ninguém me interrompe, ninguém fazendo barulho, nenhum menino de cueca me dizendo que quer tomar Toddy.

Isso me frustra demais. Eu deveria colocar uma porta no meu home office (ex-dependência de empregada), a minha quebrou e nunca coloquei outra no lugar. Preciso da minha rotina para poder fazer as coisas funcionarem e eu poder viver de Internetz. E também para eu poder comprar coisas e me arrepender disso depois. Este é o assunto de hoje.

Pensei nisso porque estou querendo comprar uma máquina de cupcake, mas tenho certeza que vou usar por uns meses e depois ela vai para a prateleira em cima dos armário, que é praticamente o céu dos eletroportáteis aqui em casa.

1 – Fritadeira

113197276SZ Esta fritadeira elétrica da Mondial foi adquirida como suor do Sérgio. Se não falei ainda, o cônjuge é economiário, essa gente boa que trabalha na Caixa Econômica. E eles tem um programa de pontos/parceiros chamado Mundo Caixa, onde dá pra resgatar de recarga para celular a ar-condicionado.

Não lembro quantos pontos ela custou, mas já deve ter uns 2 ou 3 anos.

Adorei: ela é num tamanho bom, esquenta bem, vem com um refil (ou 2) pro filtro de fumaça. Tem timer, dá para regular a temperatura. A cestinha encaixa no topo da máquina para deixar o óleo escorrer. Se a memória não falha, ela comporta cerca de 1,5l ou algo assim de óleo.

Nunca mais usei: A casa estava numa fase batata frita e coxinha, mas a dona Saúde bateu na porta e deu um tapa na cara de todo mundo. E ainda saiu apertando os pneuzinhos de cada um com uma cara feia.

2  – Sorveteira

111149422_1GGA sorveteira da Arno foi uma compra de impulso pensada (?). Sou aquele tipo “especial” (sim, com aspas) de pessoa que toma sorvete o ano todo. Pode estar nevando lá fora que eu vou estar com a cara dentro de um litro de sorvete no sofá assistindo TV. Considerei a Yonanas, aquela em que você congela frutas e passa elas pela máquina até sair algo parecido com um frozen. Mas tem dias no ciclo de uma pessoa que ela precisa de uma proporção precisa de gordura, chocolate e açúcar que fruta nenhuma oferece. Pesquisei bastante e comprei a da Arno.

O chato destas sorveteiras caseiras é que a maioria precisa que o pote fique no congelador por algumas horas antes de ficar mexendo o sorvete.

Adorei: ela é linda, não faz barulho, não incomoda ninguém. Com meia hora, você tem sorvete cremoso e aerado.

Nunca mais usei: depois dos primeiros meses, passei um longo período sem usar e quando a gente trocou olhares na cozinha, senti que ela não me amava mais. Mesmo deixando a tigela no freezer por 2 dias, ela esfria a massa mas não congela. Antes a gente via as bordas de sorvete congelado, hoje, fica tudo mole. Não sei se fui algo que eu fiz, ou disse, tentei de tudo, mas nossa relação nunca mais foi a mesma.

3 – Mixer de mão

393138g1Este também é cortesia do mundo caixa. Acho que este mixer da Suggar me custou uns 50 reais (em pontos) ou menos, era uma promoção. Ele vem com um copo de 1 litro e apenas 1 lâmina. A minha ideia era fazer vitaminas e mexer as coisas diretamente na panela como eu via o Jamie Oliver fazer na TV.

Adorei: é prático demais, você pega qualquer pote, liga o mixer que tem duas velocidades e pronto, tudo mexido. Sem reclamação de potência. Belezura para lavar.

Nunca mais usei: o cabo é curto de mais. Se eu quiser panela e mixer no mesmo lugar, a panela quente tem que ir pro outro lado da cozinha ou eu tenho que pegar uma extensão. Também quebrei o copo e não faço ideia (nem tenho interesse) de como repor. Hoje em dia, o mixer é usado quando o molho branco empelota ou se o copo do liquidificador tá sujo e preciso misturar meu nescau com manteiga de amendoim 🙂

4 – Mini-processador de alimentos

Daniel PereiraO fato das pessoas confiarem em mim com um cartão de crédito é algo que me causa espanto. Este mini-processador me conquistou na fofura e na solidez da marca Black & Decker . Mas esta fase de comprar bobagem já passou. Já consegui cortar – física e financeiramente – da minha vida 5 cartões de crédito. Fiquei só com um e ele está sob controle.

Este também foi de tanto ver as pessoas processando as coisas na TV. Acho que se eu parar de ver TV e Youtube, eu paro de comprar estas coisas.

Adorei: É pequeno, cabe em qualquer canto e custou uns 80 reais.

Nunca mais usei: logo na primeira semana, esta bagaça soltou uma mola, ruela, parafuso ou algo lá dentro. Foi necessário pedir ajuda pro meu técnico/marido, ou seja, 1 mês depois ele consertou (é assim também com vocês?). Ele funciona, mas não aguenta nem metade da capacidade. A lâmina para de funcionar se algo estiver simplesmente parecendo que vai ser duro. Ela é sensível com essas coisas. Fiz carinho, falei que tava tudo bem, mas foi diagnosticada com SPMP – Síndrome de produto mal planejado – e está encostada para todo o sempre.

Na cozinha de vocês tem algo encostado? Trabalhar em casa é fácil? O marido/parceiro/esposa/bicho de estimação ajuda?

18 comentários em “4 produtos que comprei, adorei e nunca mais usei”

  1. Depois do mixer eu aposentei o liquidificador e até o processador!! Como minha cozinha é pequena tudo fica perto! O maior desperdício de dinheiro foi uma centrífuga para fazer sucos… usei 2 meses… Muito trabalhosa!

    • Olá Meninas! Noemi assim como voce a centrifuga de frutas para mim foi o pior investimento, usei duas vezes e doei, também comprei uma maquina de pão que passei tempos admirando e também usei no máximo duas vezes. Agora o mixer utilizo muito, aprendi com um confeiteiro para deixar a ganache brilhante, adorei o resultado e uso o mixer sempre, também para fazer panquecas, misturar líquidos e ovos para bolos feito a mão, e sucos.

  2. Nossa….de tudo que já li aqui isto foi o melhor !! KK…Queria comprar uma sorveteira mas acho que desisti…rs
    não aposentei meu mix e nem a batedeira velha da Arno pois um dia fui a casa de meu namorado fazer doces e
    levei um susto com o barulho que a novinha Black & Decker dele faz !! Não sou adepta de fritadeira mas todo o resto de eletrodomésticos
    eu uso e muito …até máquina de pão…não tenho marido então euzinha aqui puxo e prego minhas extensões…kk
    Trabalho em casa e amo isso,mas acho que só consigo porque sou eu e meu cafofo ninguém mais !! Beijos !!

    • Priscilla, a sorveteira é algo lindo de se ter em casa, mas se puder comprar algo mais profissional, acho que não vá ter o mesmo problema que eu.
      Aqui em casa, também sou a “pregadora oficial de prateleiras e assuntos relacionados” kkk
      🙂

  3. Tenho um mixer que ganhei dos meus filhos, e adoro ele! Minha paixão ainda é ter uma Planetária Kenwood…..há muitos anos quando centrífuga virou moda por causa dos sucos, corri e comprei uma. No início tudo novidade vc usa direto, mas ao ver que chato é ficar limpando, a gente desiste! A minha está aposentada. Cuido da minha casa sozinha, troco chuveiro e arrumo até tomada pq se depender do meu filho, fica tudo estragado, e atualmente não dá para pagar tudo quanto é conserto, não é?

      • Angel, esqueci de contar que tenho uma pipoqueira elétrica, daquelas que não usa óleo (parece um isopor), usamos algumas vezes, mas é tão sem graça que foi para as profundezas do armário! A torradeira que faz as fatias de pão pular até usei muito, mas estragou pq é muito frágil, e não compensa consertar. Tenho uma máquina de waffle com placas que viram chapas tb da Black & Decker, useiiiiii até que hoje ela está com o apoio da tampa quebrado (não para em pé) e o botão de ligar não funciona, só direto na tomada. Adoro waffle, bem que vc poderia sortear uma máquina dessas ao invés da de Cupcake, pense nisso! rsrsrsr

  4. Oi! o meu Mix já veio com o mini processador, onde vc acopla o mix para usar, e uso ele com frequencia (a parte do processador) rsrs… Já a tal máquina de cupcake… comprei, usei umas vezes e nunca mais! é uma fofura, faz cupcakes bonitinhos, fáceis e rápidos! mas não compensa… faz mto pouco por vez, os cupcakes ficam branquelos, pra dar uma “corzinha” tem q deixar mais, e aí eles acabam ficando meio secos, melhor ir pro forno mesmo…

    • Verdade, Inara, apesar de considerar várias vezes a máquina de cupcake, sei que ela vai ficar encostada. Pensei em comprar para fazer testes aqui pro blog, mas dá pena de jogar dinheiro fora assim. Quem sabe em uma promoção…

  5. Kkkkkkkkkkkkkkkk…Angel, vc é um doce! Me diverti c esse post! Ainda bem q vc postou antes de eu acabar c meu salario inteiro numa sorveteira!!!!! kkkkk n sei pq….o marido agradece!!!! Bj…ps…n vivo sem meu mixer com mini processador… o unico q sobrevive neste mundo de eletrodomesticos!!!!

  6. Bom dia,Angel!!!! Muito interessante o seu post. Realmente desejamos e adquirimos coisas que parece que vai nos ser muito útil mas…… Obrigado estava desejando essa tal de fritadeira,mas graças a DEUS não comprei e ja desisti. Beijos,Angel,você esta sempre nos ajudando!

    • A fritadeira é muito útil se você trabalha com fritura, mas depois de comer batata frita, nuggets e coxinha por 1 mês, a gente cansa. eheheh

      Mas se você trabalha com salgados, ela é uma mão da roda, viu?

  7. Amei seu post! O meu mini processador era meu xodozinho… mas depois que precisei trocar a tampa ele nunca-NUNCA MESMO- voltou a funcionar!!!! Sorveteira eu tinha quando as minhas filhas eram criança aquela de ir colocando nescauzinho em um cilindro de aço que tinha que ficar no freezer para então sair sorvete (rsrsrs). Aqui em casa temos uma armário com essenciais que nunca mais usamos! Máquina de fazer cupcake, máquina de walffer, máquina algodão doce, pipoqueira elétrica, fora as fofurices que minha mãe vive comprando no aliexpress… Minha medida restritiva foi parar de ver canais de vendas e proibir minha mãe de “visitar a China” como ela fala!

    • Monica, eu acabei instalando o aplicativo do AliExpress no celular. Aí pra me controlar eu jogo tudo no carrinho, depois eu jogo pra lista de desejos e uma semana depois eu volto. Se eu ainda quiser, eu compro.
      Tem ajudado eheheheh

  8. Não fala mal do mixer, Angel, que eu fico magoada. Eu não tenho liquidificador, bato quase tudo nele mesmo. Uma das velocidades parou de funcionar, ganhei o da minha filha, aconteceu a mesma coisa, então eu uso uma só e sou feliz assim mesmo. Se eu tivesse lugar pra guardar também ia ter um monte de coisas, mas é bom que não tenha. A 1ª compra seria uma cafeteira. Sonho bobo, né?

    • Nããão, Denyse! Acho que da lista, o mixer é o único do bem kkkk Só não uso mais porque deixo o trabalho duro pro liquidificador. Ontem mesmo fiz uma farofa com ele 🙂
      Pois eu to criando espaço aqui, mas com a crise não dá pra comprar nada!

Deixe uma resposta para Celione Oliveira Cancelar resposta